sexta-feira, 25 de abril de 2008

Sexo: você já praticou alguma parafilia?



Parafilias
As “perversões sexuais” são chamadas de parafilias. As práticas são constituídas por padrões sexuais no qual a fonte predominante de prazer não se encontra na cópula, mas também em outras atividades durante momentos de intimidade.

O nome vem do grego (para, “fora de” e filia, “amor”).

Em determinadas situações, o comportamento sexual parafílico pode ser considerado perversão ou anormalidade.


Parafilias 2
Sem afetar saúde, opção é inofensiva
As parafilias podem ser consideradas inofensivas e, de acordo com teorias psicológicas, são parte integral da psique normal – salvo quando estão dirigidas a um objeto potencialmente perigoso, danoso para o sujeito ou para outros, trazendo prejuízos para a saúde ou segurança, ou quando impedem o funcionamento sexual normal.


Convenção
Aceitação varia com as sociedades
Embora algumas teorias psicológicas vejam como inofensivas as práticas de perversões sexuais, as considerações com respeito ao comportamento considerado parafílico dependem em um grau muito elevado das convenções sociais reinantes em um momento e lugar determinados.


Homossexualidade
Antes parafílicas, práticas são normais
Certas práticas, como a homossexualidade ou até mesmo o sexo oral, o sexo anal e a masturbação, foram consideradas parafílicas em determinado momento da história, embora agora sejam consideradas variações normais e aceitáveis do comportamento sexual.


Masturbação
Excesso pode ser tido como anomalia
Há quem considere que o excesso na masturbação, praticada por muitos mesmo após a adolescência, ou até mesmo o fato de alguém já na fase adulta preferir sempre esta prática do que o contato com outro indivíduo, venha a ser um tipo de parafilia, uma anomalia.


Fetichismo
Preferência é vista como exemplo
O fetichismo se caracteriza pela busca e alcance do clímax sexual a partir da presença ou do uso de algum objeto. A preferência chega a ser considerado uma parafilia.
Ao todo, existem mais de 50 tipos de parafilias, algumas mais inofensivas e outras como perversão sexual.


Variedade
Tipos chegam a ser patológicos
Alguns tipos de parafilias são: afrodisiomania (desejo sexual intenso e patológico); agromania (paixão por espaços abertos ou o campo), aleofilia (atração pelo sexo oposto), algofilia (erversão sexual caracterizada por desejo de sentir dor física) e algolagnia (satisfação sexual pela dor).

Fonte: bomdiabauru.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Sinta-se livre para deixar um comentário ... Aguarde, seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.