sábado, 29 de agosto de 2009

Americano tenta matar gambá, mas dá tiro na própria perna

Da próxima vez, Larry Tenbrink disse que vai usar uma armadilha.
Segundo fazendeiro, animal já matou mais de uma dúzia de suas galinhas.

Foto: Foto ilustrativa

Larry Tenbrink deu um tiro na própria perna enquanto tentava matar um gambá que estava pegando suas galinhas. (Foto ilustrativa)

O norte-americano Larry Tenbrink deu um tiro na própria perna enquanto tentava matar um gambá que estava atacando suas galinhas, no último domingo, em sua fazenda em Mount Vernon, no estado de Washington (EUA), segundo reportagem do jornal "Skagit Valley Herald".

Tenbrink, de 61 anos, estava assistindo televisão quando ouviu o barulho vindo do galinheiro.

Na hora, ele pensou que o problema era um gambá que já tinha matado mais de uma dúzia de suas galinhas nos últimos anos.

O fazendeiro pegou sua pistola e foi ver o que estava acontecendo. Quando viu o animal, que era do tamanho de um gato, dentro de sua propriedade, ele atirou rapidamente, mas o tiro não saiu como o imaginado: a bala foi parar em sua coxa direita.

Por sorte, o acidente não foi grave e ele já está em casa. O homem, no entanto, disse que não desistiu de capturar o gambá. Mas, da próxima vez, Tenbrink pretende usar uma armadilha.
Do G1, em São Paulo, com agências

Boa noite Cinderela. Funcionário público federal foi alvo do golpe e teve apartamento saqueado

Vítima do 'Boa Noite cinderela" tem imóvel saqueado

Um funcionário público federal de 39 anos foi alvo do golpe "Boa Noite Cinderela" na noite de sexta-feira (28) e teve o apartamento saqueado em Jardim da Penha, Vitória. O acusado do furto se passou por um interessado em alugar o apartamento do funcionário público. Ele levou dois laptops, R$ 150, cartões de crédito, aparelho Ipod, quatro frascos de perfumes, um HD de computador e um aparelho celular.

Como se não bastasse o saque, o bandido trancou o funcionário dentro do próprio apartamento e levou as chaves. Até a manhã deste sábado (29), nenhum suspeito havia sido preso. O crime teve início às 16 horas da tarde de sexta-feira quando o funcionário estava no portão do prédio onde mora. Nesse instante, um homem bem vestido, de terno, saltou de um veículo de cor prata e abordou o funcionário público federal. O golpista se passou por interessado em procurar apartamento para alugar.

O funcionário público teria informado que vendeu o imóvel dele há pouco tempo para uma mulher, mas que ela tinha interesse em alugar o apartamento. O golpista, então, pediu para ver o apartamento. O funcionário permitiu a visita e os dois subiram até o apartamento.

No imóvel, o funcionário público teria ingerido uma bebida e depois disso não se recorda de mais nada. Quando acordou, às 20 horas da noite de sexta-feira, ligou para um amigo e percebeu que estava trancado dentro do imóvel.
Ele foi encaminhado a exames de lesão corporal e exame toxicológico no Departamento Médico Legal (DML) de Vitória.

Fonte: Gazeta Online 29/08/2009 - (Natalie Marino - Da Redação Multimídia)

Professora da Bahia é demitida: advogado tenta tirar vídeo da web

Educadora foi filmada, em junho, fazendo coreografia em show de pagode.
Vídeo já teve mais de 100 mil acessos na web.

                 Professora diz que sofreu retaliações no bairro onde                     morava, em Salvador (Foto: Reprodução/Youtube)

Professora diz que sofreu retaliações no bairro onde morava, em Salvador (Foto: Reprodução/Youtube)

O advogado Antonio Leite Matos vai à Justiça para tirar da web o vídeo em que uma professora de ensino fundamental, de 28 anos, aparece dançando sensualmente, em Salvador. Ela foi demitida após a divulgação das imagens, segundo o advogado. O vídeo já teve mais de 100 mil acessos.

Após o 'flagrante', feito em junho deste ano, a educadora diz que passou a sofrer retaliações de vizinhos, precisou mudar de endereço e perdeu o emprego. A filha dela, de 7 anos, também deixou de frequentar a escola particular onde a mãe lecionava.

Leite Matos disse que deve entrar com uma ação cautelar na Justiça de Salvador na próxima semana. "Quero que o vídeo saia da internet. Ela não sabia que a dança seria gravada e disponibilizada na rede mundial de computadores. Ela sofreu danos morais e materiais, pois teve sua imagem exposta sem autorização e perdeu o emprego por causa da publicação do vídeo."

As imagens foram registradas por várias pessoas que estavam na plateia de uma casa noturna e usaram câmeras de celular. Ela foi convidada para subir ao palco durante a apresentação do grupo de pagode O Troco. Ela dançou a coreografia da música "Todo enfiado", que é bastante sensual. O vídeo já teve mais de 100 mil acessos.


Perfil
A professora é formada em pedagogia e faz pós-graduação na área. Ela ministrava aulas de alfabetização para crianças de 5 anos em uma escola particular da capital baiana.

A direção da escola disse ao G1 que houve uma conversa com a professora e a mãe dela e a demissão foi uma medida consensual. Ainda de acordo com a instituição de ensino, após a exposição do vídeo da professora na internet, ela não se sentia mais à vontade para trabalhar.


Fonte: G1
Glauco Araújo - Do G1, em São Paulo

H1N1: Médicos relatam forma mais agressiva da gripe suína, diz OMS

Nova forma da doença ataca diretamente os pulmões e exige internação de alto custo. No Japão, o vírus já atingiu níveis epidêmicos
PREOCUPAÇÃO Sistemas de saúde do mundo todo estão sobrecarregados por conta da gripe suína
A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou nesta sexta-feira (28) que médicos estão relatando uma forma mais severa de gripe suína que vai direto aos pulmões e causa uma forma grave da doença até mesmo em jovens até então saudáveis, e gera a necessidade de uma internação hospitalar de alto custo.

Os relatos mostram que, em alguns países, até 15% infectados pelo vírus H1N1 precisam de cuidado hospitalar, pressionando ainda mais os já sobrecarregados sistemas de saúde.

"Medidas preparatórias precisam antecipar essa demanda crescente das unidades de cuidado intensivo, que podem ser sobrecarregadas por um aumento repentino no número de casos graves”, diz o relatório divulgado pela OMS.

Ainda segundo a OMS, nesses pacientes, o vírus infecta diretamente o pulmão, causando insuficiência respiratória grave. “Essas vidas dependem de um cuidado altamente especializado nas unidades de tratamento intensivo, em geral com permanências longas e caras”.

O documento também identifica onde a doença está em avanço. No Japão, diz a OMS, o vírus atingiu níveis epidêmicos, o que sinaliza um início do que pode ser uma longa temporada da gripe este ano. Em áreas tropicais o avanço da doença também está piorando.

A OMS afirma estar aconselhando os países do Hemisfério Norte a se preparar para uma segunda onda de disseminação pandêmica. "Os países com climas tropicais, onde o vírus pandêmico chegou depois do que em outros locais, também precisam se preparar para um número crescente de casos”.

O alerta também vale para populações indígenas que podem apresentar um risco maior de ficar gravemente doentes por causa do vírus da gripe suína. "Em alguns estudos, o risco desses grupos é de quatro a cinco vezes maior do que na população geral”, diz a OMS.

Como praticamente ninguém tem imunidade ao novo vírus H1N1, os especialistas acreditam que a doença infectará até um terço da população mundial. A nova gripe também afeta de forma desproporcional pessoas mais jovens, diferentemente da gripe habitual, que expõe mais os idosos.

Os dados da OMS continuam a mostrar que determinadas condições médicas aumentam o risco de doença grave e fatal, como doenças respiratórias, em especial a asma, doença cardiovascular, diabetes e baixa imunidade.

Entre tantos dados negativos, a OMS ressalta uma notícia positiva: as pessoas infectadas pelo vírus da Aids parecem não correr especial risco de contrair o H1N1.
REVISTA ÉPOCA

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Sucuri de seis metros é capturada e morta após esmagar cachorro.



Glonoonline

A sucuri se enrolou ao cachorro para matá-lo

Os ataques de sucuris a animais, como o de uma cobra sobre uma capivara, registrado por um cinegrafista de Ibitinga (SP), são comuns. As fotos desta reportagem mostram o ataque de uma sucuri de 6 metros de comprimento a um cão rottweiler no município de Jataí (GO).

A sucuri se enrolou ao cachorro para matá-lo. A cobra foi capturada presa ao animal e morta em seguida.

Dentro do seu aparelho digestivo foram encontrados uma fivela de coleira de cachorro e um chifre de veado.

Globo Online

28/08/2009

Morte de Michael Jackson foi homicídio, conclui relatório oficial

Relatório alega que cantor sucumbiu a 'intoxicação aguda de propofol'.
Médico particular ministrava anestésico para fazer Jackson dormir.


Foto: Reuters

O cantor Michael Jackson, morto em junho deste ano. (Foto: Reuters)

O instituto médico legal da cidade de Los Angeles anunciou nesta sexta-feira (28) que a morte do cantor Michael Jackson foi classificada como "homicídio" (provocada pelas mãos de uma outra pessoa).


De acordo com relatório do legista da cidade, Jackson sucumbiu a "intoxicação aguda de propofol". O propofol (também conhecido como diprivan) é um potente anestésico que o cantor vinha usando com a intenção de combater insônia.

O medicamento - de uso altamente controlado - foi aplicado pelo médico particular de Jackson, Dr. Conrad Murray, na manhã em que o cantor morreu, em 25 de junho. O cardiologista é alvo de investigação da polícia, teve sua residência revistada, mas até agora não teve sua prisão decretada.

Em nota, o departamento de polícia de Los Angeles afirmou que a investigação está em andamento e que caberá a promotores locais decidir se acusações serão feitas.


Foto: Reuters

O anestésico porpofol, apontado pelos legistas como a substância que matou Michael Jackson. (Foto: Reuters)

Mistura fatal

O relatório preparado pelo IML de Los Angeles também indica que outras drogas foram encontradas no corpo de Jackson, incluindo os sedativos diazepam (benzodiazepina)e lorazepam. Médicos afirmam que a combinação desses remédios é perigosa.

Em depoimento à polícia, Murray afirmou que estaria preocupado com um suposto vício de Jackson em propofol. Na noite anterior à morte do cantor, o médico particular diz que tentou colocá-lo para dormir sem o propofol, usando, em vez disso, os sedativos diazepam, lorazepam e midazolam. Como todos os remédios não conseguiram adormecer o astro e como Jackson, segundo ele, teria pedido a droga várias vezes, Murray teria finalmente ministrado 25 miligramas de propofol. Assim que o cantor dormiu, o médico deixou o quarto.

No mesmo depoimento, divugaldo nesta semana pelo jornal "Los Angeles Times", Murray disse aos detetives que tratou o astro de insônia por cerca de seis semanas antes de sua morte. Ele estava dando a Michael Jackson 50 miligramas de propofol todas as noites por meio intravenoso.

Apesar disso, autoridades disseram não ter conseguido encontrar evidências de que Murray tenha comprado, pedido ou obtido a medicação com sua licença médica. No entanto, policiais encontraram cerca de oito frascos da droga na casa em que o cantor morreu, junto com outros medicamentos receitados por Dr. Murray, Dr. Arnold Klein e Dr. Allan Metzger.

Outras drogas confiscadas na busca policial incluem valium, tamsulosin, lorazepam, temazepam, clonazepam, trazodone e tizanidine. Os investigadores também encontraram propofol na bolsa de Murray. Ele disse aos detetives não ter sido o primeiro médico a dar o poderoso anestésico ao cantor.

Pelo menos dois médicos não-identificados deram propofol a Michael Jackson na Alemanha. Entre março e abril de 2009, Murray disse que chamou de Las Vegas o médico David Adams a pedido do astro para que ele lhe desse o medicamento. Murray disse que ele estava no consultório de um cosmetologista quando Adams usou a substância para sedar o cantor.

Desde que começou a tratar Michael Jackson, Murray disse que perguntou ao popstar inúmeras vezes quem eram os médicos que tratavam dele e quais drogas eram prescritas. Mas o cantor se recusava a dar informações, disse Murray aos investigadores.

Aplicado em procedimentos cirúrgicos em hospitais, sempre com monitoramento contínuo dos sinais vitais do paciente, o propofol oferece riscos por causar uma curta parada respiratória. A medicação induz a um sono de hipnose por cerca de cinco a dez minutos e é usada como anestésico porque não causa mal estar e também atua como relaxante muscular e como um leve analgésico. Durante cirurgias, o remédio é administrado continuamente para manter o paciente apagado pelo tempo que for necessário.

No último dia 18, Conrad Murray divulgou um vídeo (veja acima) em que agradecia o apoio dos amigos. “Por favor, não se preocupem, enquanto eu tiver Deus no meu coração e vocês na minha vida, eu estarei bem. Eu fiz tudo que pude. Eu disse a verdade e eu tenho certeza de que a verdade prevalecerá. Deus os abençoe. E obrigado”, disse o cardiologista, que foi contratado pela produtora AEG Live para cuidar da saúde do cantor durante a série de shows que Jackson faria a partir de junho deste ano.

Ligação de emergência

Jackson morreu no dia 25 de junho, depois de ser resgatado de sua casa em Los Angeles e levado ao hospital da cidade com quadro de parada respiratória.

A ligação da casa de Jackson para o serviço de emergência foi feita às 12h21, horário de Los Angeles, por uma pessoa que ainda não foi identificada mas que estaria na companhia de Murray. Os paramédicos teriam chegado cerca de 3 minutos depois. O cantor foi então levado de ambulância ao hospital da UCLA, onde foi declarado morto às 14h26.


Foto: AP

Prince Michael, Blanket e Paris são confortados pelos tios no palco do funeral público de Michael Jackson(Foto: AP)

Um policial com acesso às investigações, revelou recentemente detalhes sobre o estado do interior da mansão em que Jackson foi resgatado. No momento em que a polícia chegou ao local, o quarto onde o cantor dormia estava repleto de tanques de oxigênio e continha um equipamento para aplicação de tratamento intravenal. Outro quarto estava bagunçado, com roupas e outros itens espalhados e recados escritos a mão colados na parede. Um deles dizia: "crianças são doces e inocentes". Uma boneca de porcelana com um vestido foi encontrada sobre o cobertor da cama onde o cantor dormia.

A temperatura na casa estava extremamente quente, com lareiras a gás e o sistema de aquecimento ligado no máximo porque Jackson sempre reclamava de estar com frio, disse o policial.

A temperatura na casa estava extremamente quente, com lareiras a gás e o sistema de aquecimento ligado no máximo porque Jackson sempre reclamava de estar com frio, disse o policial.

Três tanques de oxigênio estavam no quarto do cantor, e outros 15 estavam no quarto de um segurança.

No dia 7 de julho, artistas como Stevie Wonder e Mariah Carey, além de astros do basquete, fãs e familiares do astro, se reuniram no Staples Center para uma cerimônia de despedida ao cantor.

O corpo de Jackson só deve ser enterrado no próximo dia 3 de setembro.

O Rei do Pop completaria 51 anos neste sábado.

Do G1, com agências internacionais

H1N1: Gripe Suína faz a primeira morte no Espírito Santo


foto: Divulgação
elton barbosa
Elton Barbosa

H1N1 mata capixaba em Massachusetts, EUA

O capixaba Elton Barbosa, de 27 anos, natural de Colatina, no Norte do Espírito Santo, morreu vítima de gripe suína nos Estados Unidos, onde morava há quatro anos junto com a esposa Patrícia Barbosa. O capixaba faleceu na última sexta-feira (14), após dez dias internado no Massachusetts General Hospital (MGH), no estado de Massachusetts, próximo ao de Nova Iorque.

A morte do capixaba foi a primeira na ilha de Martha's Vineyard - local considerado paradisíaco - em decorrência da doença e a 11ª no estado de Massachusetts. Elton trabalhava como pintor de paredes. Fotos dele foram copiadas e utilizadas em uma campanha na comunidade para recolher donativos. O valor arrecadado foi utilizado para trazer o corpo para o Brasil.

De acordo com o departamento de saúde pública de Massachusetts, que confirmou a morte por Influenza A (H1N1) na segunda-feira (17), Barbosa não apresentava nenhum problema de saúde anterior que pudesse torná-lo mais vulnerável à gripe.

Família abalada

Elton era filho do casal Nilson Barbosa de Mello e Erci Barbosa, proprietários da Rubi Joias que também fica no Centro de Barra de São Francisco.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) confirmou, nesta sexta-feira (28), o primeiro óbito causado pela Influenza A (H1N1) no Espírito Santo. Trata-se de uma gestante que estava internada há quase 20 dias em um hospital da rede particular.

O caso já havia sido confirmado como positivo para a doença pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro, na última segunda-feira (24). Esta é, portanto, uma das 24 confirmações de Influenza A no Estado, conforme o boletim divulgado pela Sesa na quarta-feira (26).

A gestante foi internada com suspeita de gripe suína na segunda-feira (10), no Hospital Metropolitano, na Serra. A paciente foi internada após piorar de um resfriado que teve ainda na semana anterior.

No Brasil, segundo o último boletim do Ministério da Saúde, divulgado na quarta (26), foram notificados 5.206 (85,3%) positivos para Influenza A (H1N1) e destes, 557 foram a óbito.

Previna-se

Em casa. Durma com as janelas abertas e evite o ar
condicionado. Não compartilhe copos e utensílios com alguém que tenha os
sintomas

No trabalho ou na escola. Se a pessoa apresentar qualquer
sintoma de gripe, evite ir ao trabalho ou à escola, para que não ocorram novas
contaminações

Aglomerações. Evite aglomerações, mesmo em locais abertos.
Tente manter, pelo menos um metro de distância das pessoas com sintomas


Lugares públicos. Evite segurar em corrimãos, maçanetas e balcões de
lugares públicos. Caso o faça, lave as mãos e depois use um gel
antisséptico

Atendimento. Se sentir algum sintoma da gripe, procure
rapidamente um posto de saúde ou médico. Use máscara enquanto espera o
diagnóstico

Grupos de risco. Grávidas, crianças, idosos e pessoas com
doenças crônicas devem evitar ainda mais a exposição, pois têm maior
probabilidade de desenvolver complicações da gripe




28/08/2009 - ( gazeta online)


Professora da Bahia é demitida após vídeo sensual cair na internet





Professora sofreu retaliações no bairro onde morava, em Salvador
Uma professora de ensino fundamental, de 28 anos, foi demitida após um vídeo em que ela aparece dançando sensualmente ao lado de um grupo de pagode, em Salvador, cair na internet. As imagens foram registradas, em meados de junho deste ano, por várias pessoas que estavam na plateia de uma casa noturna e usaram câmeras de celular.

O 'flagrante' aconteceu durante uma apresentação do grupo de pagode O Troco, que costuma convidar as espectadoras para subir ao palco e fazer a coreografia da música "Todo enfiado". O vídeo já teve mais de 100 mil acessos.

A professora é formada em pedagogia e faz pós-graduação na área e ministrava aulas de alfabetização para crianças de 5 anos em uma escola particular da capital baiana. Após a divulgação do vídeo na internet, ela disse que passou a sofrer retaliações no bairro onde morava. "Ela teve de mudar de endereço e agora está na casa de familiares. Depois disso, ela foi demitida", disse Antonio Leite Matos, advogado da educadora.

A direção da escola explica que houve uma conversa com a professora e a mãe dela e a demissão foi uma medida consensual. Ainda de acordo com a instituição de ensino, após a exposição do vídeo da professora na internet, ela não se sentia mais à vontade para trabalhar e para continuar na mesma casa onde vivia.

Leite Matos informou que a filha de 7 anos da professora, que estudava na mesma escola em que a mãe trabalhava, teve de parar os estudos. "Ela não cometeu crime algum. Minha cliente estava em um momento de lazer e não fazia ideia de que as imagens da coreografia fossem parar na internet."

O advogado disse ainda que a educadora está arrependida do ocorrido. "Ela trabalhava na escola havia mais de um ano e sempre foi boa funcionária", afirmou Matos. A direção da escola informou ao G1 que mantém contatos diários com a ex-funcionária para prestar apoio.

Fonte: G1

Sumiço de Belchior estaria ligado a problemas financeiros

Belchior e a mãe, 1979
 
Longe de ser uma estratégia de marketing para reerguer a carreira ou o exílio voluntário de alguém com dinheiro no bolso, tudo indica que o desaparecimento de Belchior está ligado a uma disputa familiar e a problemas financeiros, informa a coluna de Barbara Gancia publicada na Folha desta sexta-feira.

Para a colunista, o sumiço do compositor de "Como Nossos Pais", sucesso na voz de Elis Regina, que foi noticiado em 11 de agosto na "Palma Louca", revista literária da internet, mudou a vida da família do músico, que agora é alvo constante da imprensa.

Angela, ex-mulher de Belchior, se escondeu em casa e recusa-se a falar sobre o caso. Nem mesmo a filha do cantor, Camila, que mora no Reino Unido, foi completamente poupada, já que o assunto foi tema também de reportagem do britânico "The Guardian".

A coluna ainda afirma que, além de virar assunto em jornais e na internet, o desaparecimento do cantor também motivou campanhas em diversos locais do país. No Recife, o jornal popular "Aqui PE" lançou campanha oferecendo um engradado de cerveja e colocou na primeira página com a manchete: "A gente paga uma cerveja pra quem achar o Belchior".
 
Fonte: Folha Online

'Mexeu com a Xuxa, mexeu comigo', declara fã no YouTube

Indignado com os ataques à "rainha" no Twitter, um eterno "baixinho" se manifestou no YouTube e se tornou a mais nova celebridade da rede. O vídeo "Mexeu com a Xuxa mexeu comigo", postado no final da tarde de quarta-feira (26) pelo fã paulistano Davis Reimberg, de 26 anos, foi acessado por mais de 103 mil internautas e gerou reações de apoio e repúdio ao rapaz.

"Fiquei indignado com o fato de as pessoas tentarem atingir a Xuxa através da Sasha! Gente invejosa!", desabafa o admirador. "Tudo aconteceu num impulso: peguei a câmera e comecei a falar o que me vinha à cabeça. Espero que minha rainha entenda que fiz isso por ela, na melhor das intenções", completa Reimberg.

A confusão começou na tarde de quarta (26), quando a apresentadora se irritou com alguns seguidores de seu microblog, que zombavam de um erro de português cometido por Sasha em um texto. Na página da mãe, a garota de 11 anos havia escrito a palavra "cena" com a letra "s".

"fui vcs não merecem falar comigo nem com meu anjo (sic)", escreveu Xuxa, dando a entender que sairia do Twitter. "pra quem não sabe minha filhafoi alfabetizada em ingles,vou pensar muito em colocar elapra falar com vcs ,ela não merece ouvir certas m..", explica a loira.

Após ler a mensagem, Reimberg conta que teve um "acesso de raiva" e produziu com uma câmera ligada em seu quarto o vídeo de defesa à Xuxa, com duração de quatro minutos. "Gente, pelo amor de Deus! Onde está a ética, a moral? (...) Graças a Deus que na minha família não existe gente assim, porque eu seria capaz de matar uma pessoa que age dessa maneira!", diz o fã na gravação. "Chega a ser repugnante, nojento, é horrível, é muita maldade no coração, se é que essas pessoas têm coração".

Em menos de 24 horas o vídeo já foi visto por mais de 103 mil pessoas, e até ganhou remixes de outros internautas, que fizeram sátiras e versões com batidas de funk.

A reação do paulistano lembra a de um fã americano de Britney Spears, que postou um vídeo no YouTube em defesa da loirinha em 2008, no período em que a cantora era alvo preferencial dos tabloides.

No vídeo "Leave Britney alone!", o adolescente Chris Croker chora de desespero ao reclamar da perseguição à princesinha do pop. A gravação foi vista por mais de 340 mil internautas e fez do fã uma celebridade instantânea.

"Sei que muita gente vai me associar ao fã da Britney, também sou superfã dela", diz o brasileiro. "Mas não teve nada a ver. Nunca quis a fama, fiz pensando no bem da Xuxa", garante.

'Xuxês'

Mais de 5 mil comentários foram deixados na página de Reimberg no YouTube. Mas ele diz que não está lendo as mensagens - em sua maioria, negativas e com forte teor homofóbico.

O assistente de telemarketing Davis Reimberg, que se diz 'eterno baixinho de Xuxa'
"O que mais agrediu as pessoas nem foi o fato de eu ter defendido a Xuxa, mas a minha opção sexual", conclui. "Acho que perceberam que sou gay, porque falo o 'xuxês'", explica o fã, que diz misturar os sotaques gaúcho e carioca ao falar, assim como sua "rainha".

Reimberg, que trabalha como assistente de telemarketing no bairro da Bela Vista, afirma que deve sua "infância mágica" à apresentadora. "Eu vestia minha irmã de Xuxa e suas amigas de paquitas. Nós brincávamos de imitar o 'Xou da Xuxa', e eu era o diretor do programa".

O fã diz que esteve em três shows da loira. O encontro pessoalmente aconteceu uma única vez. "Fui até o Rio e fiquei esperando a passagem dela na porta do Projac. Consegui dizer 'Xuxa eu te amo!' e tirar uma foto. Foi a realização de um sonho!", exalta.

Reimberg espera que o sucesso na web proporcione mais um encontro com sua musa. "Seria o melhor momento da minha vida! Espero que a Xu me entenda, que fiz tudo de coração aberto".

quinta-feira, 27 de agosto de 2009

Sexo oral pode explicar casos de câncer de garganta

As mudanças nas práticas sexuais são as responsáveis pelo grande crescimento nas taxas de câncer de garganta nos Estados Unidos nas últimas duas décadas, segundo anunciou, nesta semana, a Associação Americana para Pesquisa do Câncer. Segundo os especialistas, o aumento das taxas de infecção pelo HPV, disseminado pelo sexo oral, está levando a um rápido crescimento nos cânceres orofaríngeos (garganta, amídalas e base da língua).

Os especialistas destacam que estudos realizados há 20 anos mostram que apenas 20% dos tumores orofaríngeos eram HPV positivos, enquanto, hoje, é estimado que 60% dos pacientes estejam infectados com o vírus. Embora a principal causa desses cânceres seja o cigarro e o álcool, eles alertam que essa tendência de crescimento dos tumores causados pelo HPV aponta para a influência das mudanças nas práticas sexuais – principalmente em relação ao sexo oral – no aumento da taxa de cânceres na garganta.

As estatísticas indicam que o perfil de pacientes com esse câncer vem mudando – “dos idosos, fumantes e com diversos outros problemas de saúde, para jovens e executivos”. “Essa é uma real tendência, e essa é a razão da preocupação com uma epidemia, dado o fato de que o câncer orofaríngeo está aumentando a uma taxa alarmante”, destacaram os autores, sugerindo campanhas para alertar os jovens sobre o risco do sexo oral desprotegido.


Gazetaweb.com

Escada de prédio desaba e deixa quatro pessoas feridas

foto: Reprodução/TV Gazeta
Casa de prédio desaba
Prédio onde escada desabou
A escada de um prédio em Itararé, em Vitória, desabou na tarde desta quinta-feira (27) e deixou quatro pessoas da mesma família feridas, além de cinco famílias desabrigadas.

Um casal e duas crianças desciam da escada no momento em que ela desabou. As vítimas sofreram ferimentos leves e foram socorridas pelo Corpo de Bombeiros e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu 192).

Para evitar novos acidentes, a Defesa Civil colocou toras de madeira para escorar uma laje, que também ameaça cair e interditou parte do prédio que só será liberado quando o imóvel for reestruturado.

O coordenador da Defesa Civil Municipal, Júlio Cesar Tiancurri acrescentou que neste caso é melhor as famílias dormirem na casa de amigos do que perderem a vida, ao ser questionado pelos morados para onde iriam, já que muitas delas disseram não saber para onde ir.

Gioclésio Gonçalves de Sousa, uma das quatro vítimas da queda da escada, foi levado para o São Lucas e já foi liberado.


Fonte: Gazeta Online


Castigo. Homem fica parado em cruzamento com cartaz 'eu traí'

foto: Reprodução
Punição curiosa foi ideia da própria esposa
Punição curiosa foi ideia da própria esposa


Após trair a mulher e ser descoberto por ela, um homem recebeu uma forma curiosa de punição. Ele teve que colocar um cartaz no pescoço com a mensagem "Eu traí. Esse é o meu castigo"
e ficar parado em um cruzamento movimentado, segundo a emissora de TV "NBC".


A cena inusitada foi vista na manhã de quarta-feira (26) em Tysons Corner, no estado da Virgínia (EUA). Segundo a reportagem a "NBC", a mulher encontrou evidências de sua traição em seu telefone celular. A punição curiosa foi ideia da própria esposa.


Fonte: Gazeta Online

Morre Ellie Greenwich, do hit dos anos 60 'Be my baby'

Artista ficou conhecida pela parceria com o produtor Phil Spector.
Ela compôs canções como 'Do wah diddy diddy' e 'Chapel of love'.


Foto: AP

A compositora Ellie Greenwich. (Foto: AP)

Ellie Greenwich, coautora de diversos hits da música pop, como ''Do wah diddy diddy", ''Be my baby", "Chapel of love" e "Leader of the pack", morreu nesta quarta-feira (26) aos 68 anos de ataque cardíaco em um hospital de Nova York, onde ela estava se tratando de uma pneumonia, de acordo com a sua sobrinha, Jessica Weiner.

Membro do Hall da Fama dos Compositores, Ellie fez sucesso ao se juntar ao ex-marido, Jeff Barry, e ao produtor Phil Spector.

Juntos, eles compuseram canções como "Be my baby" e "Baby, I love you" para as Ronettes; "Then he kissed me" e "Da doo ron ron" para o Crystals; "Chapel of love" para o Dixie Cups; "Christmas (Baby please come home)" para Darlene Love, e "River deep, mountain high" para Ike e Tina Turner.

Nascida no Brooklyn, ela começou a carreira em shows de talentos ainda na infância e chegou a formar o seu próprio grupo, batizado de The Jovettes, na adolescência. Na faculdade, trabalhou com os compositores Jerry Leiber e Mike Stoller.

Como arranjadora e cantora, Ellie trabalhou com grandes artistas, incluindo Frank Sinatra e Ella Fitzgerald. Ela ainda ajudou Neil Diamond no início da carreira e foi coprodutora de seus primeiros hits, como "Cherry, cherry" e "Kentucky woman".




Fonte: G1

quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Alemão usa 150 fardos de palha para pedir namorada em casamento

O alemão Markus Schmidt decidiu pedir sua namorada, Verlobte Corinna, em casamento de uma forma inusitada. Ele utilizou 150 fardos de palha para escrever a célebre pergunta: "Quer casar comigo?", segundo a emissora americana de TV "ABC News".

Conforme o jornal alemão "Mittelbayerische", Schmidt, que trabalha em uma montadora e é filho de agricultores, levou cerca de quatro meses para juntar os 150 fardos de palha, cada um pesando 300 quilos, para escrever o pedido em uma vila próxima de Grossmehring.
foto: Reprodução/ABCNews
i
Markus Schmidt utilizou 150 fardos de palha para pedir sua namorada em casamento



26/08/2009 - 21h08 ( - G1)


Urso sabichão usa escada para escapar. veja

Incidente aconteceu em Snowmass, no estado do Colorado.
Escada foi colocada após o animal ter sido encontrado preso.

Foto: AP

Um urso que caiu em uma pista usada por praticantes de skate vertical, em Snowmass, no estado do Colorado (EUA), usou uma escada para deixar o local. A escada foi colocada pelas autoridades após o animal ter sido encontrado preso na terça-feira (25). (Foto: AP)



Fonte: G1

Adolescente com problemas hepáticos foge de hospital para beber

Gareth Anderson, de 19 anos, saiu do hospital em que estava internado na Irlanda do Norte para tentar comprar cerveja em um bar no outro lado da rua
Acervo Familiar
ESPERA
Pelas regras do sistema de saúde pública do Reino Unido, Gareth, de 19 anos, precisa ficar seis meses sem beber para poder receber um transplante de fígado

Um cna Irlanda do Norte saiu do hospital e foi para o bar do outro lado da rua beber, informaram autoridades na terça-feira (25). Os problemas hepáticos de Gareth Anderson, de 19 anos, começaram exatamente por causa de álcool. Segundo as regras do Seviço Público de Saúde do Reino Unido, Gareth precisa ficar seis meses sem beber antes de poder receber um transplante de fígado. Na última sexta (21), o adolescente foi transferido para o King's College Hospital, em Londres, e os médicos afirmaram que ele pode ter menos de duas semanas de vida.

Na semana passada, Gareth entrou no pub Old Moat Inn, do outro lado da rua do Hospital Ulster, na cidade de Dundonald, perto de Belfast, capital da Irlanda do Norte, usando os chinelos do hospital, segurando uma agulha pingando em uma das mãos, e pediu um pint (caneca de 568 ml de cerveja). Os funcionários do bar recusaram o pedido do garoto e lhe deram uma Coca-Cola.

"Eu não sei no que ele estava pensando", disse o pai de Gareth, Brian Anderson. "Ele me disse que também não sabe". "Acho que ele precisa de ajuda mental - trata-se de alcoolismo, mas há problemas mentais aqui também", disse Anderson à rádio BBC. Gareth sofreu insuficiência hepática aguda no início de agosto, depois de beber 30 latas de cerveja em uma festa no fim de semana. E o pai ainda pondera: "Ele pode muito bem ter bebido mais do que me disse".


REDAÇÃO ÉPOCA