quarta-feira, 4 de maio de 2011

Dor e sangramento na primeira relação sempre ocorre?

Necessariamente a menina sente dor na primeira relação sexual?

Não. Muitas vezes, o hímen bloqueia a entrada do pênis na vagina o suficiente para que o hímen tenha um rasgo na primeira relação e muitas vezes isso é doloroso. No entanto, o hímen de uma mulher pode ser tão delicado e pode ter sido arrancado muito antes da primeira relação sexual ou pode esticar e não rasgar de todo, ou pode não ser dolorosa em ambos os casos.

Além disso, uma mulher pode estar tão distraída com a emoção e o sentimento no momento que ela pode não perceber a sensação dolorosa, como negativa.

As mulheres também podem sentir dor durante a relação sexual - particularmente a primeira relação sexual - a partir de lubrificação inadequada, relaxamento ou excitação. Mas com um parceiro sensível e um sentimento adequado de conforto e carinho a mulher pode desfrutar da grande prazer em suas relações sexuais.


A primeira vez pode ser ótima

Sabe aquela sensação de que alguma coisa vai doer? Pois é, pode doer mesmo, e sangrar também. E ainda assim a grande maioria das meninas quer fazer. Mesmo com esses "probleminhas", o sexo é bom e praticá-lo é muito saudável. O sexo faz bem para o corpo, emagrece, melhora o humor... Para ter todas essas vantagens e não sofrer nenhuma das complicações que ele pode trazer, você precisa estar preparada e segura, desde a primeira vez.


A primeira relação precisa ser feita com carinho, sem pressa. Para não ser traumatizante nem ruim, a primeira vez (e todas as outras também) precisa ser com alguém por quem se sente afeto e carinho e com muita paciência. E, claro, deve ser feita com toda a segurança (ou seja: camisinha) e somente quando você se sentir segura e pronta.

Abuse dos amassos...
Para evitar, ou minimizar, as dores da relação, os "amassos" são uma arma quase infalível. Segundo a ginecologista e especialista em sexualidade Glene Faria, durante as preliminares a excitação faz com que a vagina fique mais lubrificada, permitindo que o pênis penetre mais facilmente. Se a lubrificação ainda não for suficiente, em qualquer farmácia você pode comprar um lubrificante substituto. Não deixe de consultar seu médico antes de usar qualquer um deles, porque existem muitos e é preciso saber qual o mais indicado.

Se você ainda não se sente segura, deixe para outra dia, em outra hora. O nervosismo pode causar a contração dos músculos da vagina e aumentar a sensação de dor. "Mas sentir dores é muito natural", diz a Dra. Glene. Com o tempo e a prática, a dor tende a diminuir - e o prazer a aumentar.

"Se eu não sangrar eu não sou virgem?"
Não pode existir mentira maior do que essa no que diz respeito ao sexo. O sangramento acontece porque o hímem, uma membrana fina que as mulheres têm na vagina, pode se romper durante a penetração. Mas muitas mulheres têm o chamado "hímem elástico", que não se rompe facilmente.

Outras têm a membrana um pouco mais resistente, que se rompe aos poucos. Por isso, sangrar na primeira transa não é prova de virgindade. Aliás, segundo a Dra. Glene, menos da metade das mulheres sangra na primeira vez!

Cuidados
É aconselhável que as meninas consultem um ginecologista a partir dos 11 anos, ou desde a primeira menstruação. Mas a visita não pode ser forçada. É preciso ter confiança no médico, para poder perguntar e conversar com liberdade. O ginecologista vai poder esclarecer todas as suas dúvidas e orientar sobre como usar aquela peça fundamental em qualquer transa: a camisinha.

Não tem como escapar: toda relação sexual, a primeira, a segunda ou qualquer outra, precisa de camisinha. Além de proteger contra a Aids e outras doenças sexualmente transmissíveis, ela também protege você contra uma gravidez indesejada. E é possível, sim, engravidar na primeira relação. Desde que o corpo da mulher esteja preparado, isso é, desenvolvido o suficiente, ela pode engravidar ao ter uma relação sexual.

Se você estiver preparada, consciente do que está fazendo e com o parceiro certo, tem tudo para conseguir o melhor possível da sua relação. E você estará pronta para a próxima, e a seguinte, e mais outra...
 Laura Naime / Redação Terra 

4 comentários:

  1. durante o ato sexual o homem nao pode encosta o penes no colo do utero

    ResponderExcluir
  2. o homem presisa penetra so no canal vaginal o penes nao pode encosta no utero

    ResponderExcluir
  3. brigado me ajudou mt ate estou mais relaxada, mas memo assim com vergonha!!!

    ResponderExcluir
  4. tipoo queroo mto perde minha virgindade ! Mais tenhoo mto medoo q minha mae descubra ! Ell aja q iss naoo eh boum pah mm ! Ate ella nao dxa mais eu ver meu namoradoo !

    ResponderExcluir

Sinta-se livre para deixar um comentário ... Aguarde, seu comentário poderá levar alguns minutos para ser exibido.