Mostrando postagens com marcador relação sexual. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador relação sexual. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 2 de maio de 2012

A vagina fica larga com mais relações sexuais?


Flor
A vagina da mulher não muda permanentemente devido a atividades sexuais penetrantes de acordo com Kimberly Williams, da Universidade de Purdue, nos EUA.

Quando as mulheres estão excitadas o canal da vagina fica lubrificado, relaxa e o colo do útero é empurrado para cima para criar mais espaço.

“Isso não indica que ela teve muitos encontros sexuais”, ela disse.

Stephanie Saur, cientista da cinesiologia (a ciência que estuda o movimento), disse que a forma da vagina é diferente em cada uma das mulheres devido à tipos anatômicos diferentes. A profundidade da vagina tem uma média de 10cm e não muda com base nos encontros sexuais.

Se ela é “apertada” isso pode ser sinal de que ela não está totalmente excitada ou pronta para a penetração. Exercitar a vagina com os exercícios de Kegel podem ajudar a estimular e treinar as paredes da vagina e também melhoram o prazer do sexo durante a relação, de acordo com Stephanie. Saiba como praticar osexercícios de Kegel.

CONCLUSÃO
A vagina não fica mais larga devido à quantidade de encontros sexuais. [Purdue Exponent, foto de Soleá]



segunda-feira, 9 de abril de 2012

Atacante fanfarrão admite relação sexual com prostituta


Balotelli admite relação sexual com prostituta Jennifer Thompson, ex-Rooney
A polêmica é apenas mais uma em uma lista interminável do jogador do Manchester City

foto: divulgação
Jennifer Thompson
Quando todos os fãs da bola já acreditam o atacante italiano Mário Balotelli esgotou sua cota de polêmicas, aparece mais uma bomba do jogador do Manchester City-ING. Agora, o falastrão revelou ter mantido relações sexuais com a prostituta inglesa Jennifer Thompson. Quem não vai gostar nada é sua bela noiva Raffaella Fico.

A confirmação foi feita pelo próprio empresário de Balotelli, Mino Raiola, que não quer ver seu cliente tornar-se parte de um escândalo, como ocorreu o o atacante Wayne Rooney, do Manchester United-ING. Ele afirmou que o “breve envolvimento” se deu em uma época em que o joigador era alvo de mulheres oportunistas.

A garota de programa ficou famosa no ano passado, após revelar ter mantido relações sexuais com Rooney por sete vezes, enquanto a esposa do atacante Coleen Rooney estava grávida. Ela chegou até mesmo a falar que em uma das oportunidades teve relação a três com o jogadores, com a participação de Helen Wood. Por cada encontro, o jogador teria pago 1.300 euros.

Jenny Beth, como também é conhecida Jennifer Thompson, também tem outras polêmicas em seu currículo. Em outra ocasião, ela afirmou ter prestado “favores” sexuais a outros 13 jogadores da Premier League – a primeira divisão inglesa. A prostituta não revelou nomes, tendo em vista que 11 deles são estrangeiros e dois são pais de família.

Balotelli e suas polêmicas

Pelo menos no quesito polêmicas, Jenny combina com Balotelli. Apesar de ter apenas 21 anos, o atacante já acumula uma série de polêmicas que o torna um personagem folclórico. Dentro de campo, ele já teve discussão com o atacante Cassano, hoje no Milan; fez gestos obcenos à torcida da Juventus, quando atuava pela Inter de Milão; e pisou na cabeça de Scott Parker, em jogo do City contra o Tottenham.

Contudo, suas grandes peripécias estão fora de campo. O atacante traiu a ex-namorada Sophie Reade, com a melhor amiga dela; fez ameaças via SMS a outra ex, a ex-Miss Itália Melissa Castagnoli; foi flagrado com a camisa do Milan quando defendia a rival Inter.

Até mesmo algumas contravenções já marcaram a vida do italiano de origem ganesa. No ano passado, ele foi pego tentando invadir um presídio feminino de Brescia, com o seu irmão Enock, de 17 anos. Depois, foi punido por um trote violento onde jogou dardos em jogadores da base do Manchester City.

 Mais recentemente, ele foi acusado de ter traído Raffaella Fico com a atriz pornô Holly Henderson. Os dois foram flagrados pelos “paparazzi”. Mas nem só de más notícias vive o garotão. Em 2011, o jogador virou manchete, após doar um valor equivalente a R$ 2,5 mil a um sem-teto. Ele fez a doação, após deixar o Casino 235, na cidade de Manchester, onde havia ganho R$ 65 mil.

Em sua última peripécia, o jogador foi visto em uma boate de striptease, no último dia 2 de março, às vésperas do duelo dos Citzens contra o Bolton pelo Campeonato Inglês. Tudo aconteceu dias depois do fanfarrão ter declarado amor a sua noiva Raffaella Fico, após marcar um gol em jogo contra o Blackburn. Por baixo do uniforme, ele vestia uma camisa com os dizeres: “Raffaella te amo”. Antes, ele já havia presenteado a ex-musa do Big Brother italiano com um porsche.


GAZETAESPORTES.COM

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

20 dicas para dar uma rapidinha inusitada

1 Academia

Pouca roupa e corpinhos sarados… Quanta inspiração. Se rolar o clima, por que marcar para depois? Com discrição e averiguando o terreno antes de invadir um banheiro, a rapidinha pode ser quente. Mas escolha o masculino. Caso sejam pegos, é melhor que seja por um homem do que por uma mulher, que a chance de virar um escândalo é muito maior.

2. Cinema

Nada de sentar na primeira fileira… Já vá mal intencionado lá para o fundo. Assim, quando as luzes apagarem, o clima pode esquentar e uma rapidinha no escurinho do cinema vai ser inesquecível.

3. Avião

Se for noturno e não muito cheio, até no banco é possível. Peça para a aeromoça um cobertorzinho. Perfeito! O banheiro também é uma boa pedida. E, com sorte, a comissária de bordo será sua companhia.

4. Ônibus de viagem
Viagens longas na estrada dão um sono… Não em você! Vá lá para os bancos do fundo, levante o apoio de braço que divide os bancos e seja feliz. Mas em silêncio!

5. Varanda

Todo mundo conversando na sala, vidrado na novela. Que tal ir tomar um ar na varanda com a namorada? Bom, você vai precisar que essa varanda tenha uma cortina… Senão de rapidinha a transa passa a ser sexo explícito. Uma dica: não arrisque se houver crianças na sala.

6. Festinha


Todo mundo mais preocupado em rir das lembranças do tempo de faculdade. Você, mais espertinho, tem inúmeras opções para arrasar uma mulher para uma rapidinha: cozinha, banheiro, garagem, um quarto dando sopa…

7. Provadores de loja

Vendedores distraídos atendendo muita gente e você, inocentemente, foi apenas avaliar o vestido da sua mulher. Com um bom cálculo, ninguém vê você invadir o provador para uma aventura sexual.

8. Imóveis em exposição

Se a corretora de imóveis disser que a chave está na portaria e não poderá acompanhá-los à visita, agradeça: hoje é seu dia de sorte… E a rapidinha pode ser até um pouco mais demorada.

9. Escadaria de incêndio

Com as câmeras invadindo os elevadores, fica difícil realizar a boa e velha fantasia… Mas se dentro de casa não vai dar, que tal fugir para a escadaria de incêndio? Os degraus podem não ser muito confortáveis, mas se você for criativo, eles podem facilitar a vida do casal.

10. Escritório

Você tem que estar mais atento do que nunca. Ser pego transando no trabalho é demissão por justa causa na hora! Porém, seja com sua amada que fez uma visita ou com a colega de trabalho que você sempre flerta, a transa sobre a mesa vai ficar para a história. Mas feche a porta…


10 Dicas para uma Rapidinha

Número 1
Use sempre camisinha. Dê uma rapidinha sem e fique a vida inteira com um Neném. A rima é porca, mas deu pra entender. É chato? É. Então aprenda a colocar rápido ou ensine sua namorada a colocar.

Número 2
Não porque é uma rapidinha que tudo tem que ser afobado e mal-feito. Pode saborear o momento. E com a prática, vá desenvolvendo táticas para aumentar sua eficácia nessa modalidade.

Número 3
Os homens se estimulam muito mais rápido que as mulheres. Na pressa, cuidado pra não esquecer dela. Assim, terá o seu garantido.

Número 4
Para estimular mais a sua gata, fale coisas sacanas antes e durante da transa. Faça-a imaginar como será gostoso, esse momento rápido e diferente. Durante a rapidinha, o instinto animal está aflorado, ela vai *gostar* de escutar as sacanagens.

Número 5
Explore as zonas erógenas dela e procure a posição mais estimulante. Antes, durante e até depois. Você não terá muito tempo. Tem que ser eficiente no que irá fazer. Enquanto estiver penetrando, masturbe-a, use sua língua, dê puxões. Aqui quem estive fora de forma arrisca ter uma câimbra.


Número 6
Não tenha frescura e não deixe que ela tenha. Ela pode falar não, você ignora e a conduz. Ela espera que você faça isso.

Normalmente as rapidinhas são feitas nos locais mais inusitados. E isso é o que torna a rapidinha preferida por muitos.

Número 8
Antes da penetração, se possivel, faça um delicioso sexo oral. Ao mesmo tempo que estiver fazendo, não deixe as mãos paradas. Use-as com sabedoria. Masturbe a sua gata com uma e acaricie os seios com a outra.

Número 9
Fique sempre de olho aberto para possíveis locações. O homem é uma raposa. Ou então volte em locais comuns, mas em horários totalmente diferentes do costume. Quem sabe…

Número 10
Homem prevenido vale por dois. Tenha sempre KY, papel higiênico e camisinhas no carro, na pasta e na mochila. Mulher nenhuma gosta de sair andando por aí lambuzada depois de uma rapidinha.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Padre é condenado a 12 anos por abusar sexualmente de uma menina de 10

RIBEIRÃO PRETO - O padre Juscelino de Oliveira, de 40 anos, foi condenado a 12 anos de reclusão, em regime fechado, por ter abusado sexualmente de uma menina que tinha 10 anos, no Jardim Aeroporto, em Franca, na região de Ribeirão Preto. O crime ocorreu no início de 2006. A sentença é do juiz da 3ª Vara Criminal de Franca, Paulo Sérgio Jorge Filho, de segunda-feira, 6.

O padre integrava o clero da Diocese de Santo Amaro, em São Paulo, e visitava a mãe algumas vezes, em Franca. Durante o processo, ele foi suspenso das suas funções na igreja e ficou preso durante quase seis meses. Um habeas corpus do Superior Tribunal de Justiça (STJ) permitirá que o pároco recorra da sentença em liberdade até o desfecho na segunda instância. O padre é primo do pai da vítima.

O advogado do padre, Wilson Inácio da Costa, disse que ainda não havia sido notificado oficialmente da sentença. "Vamos recorrer, com certeza", disse Costa, sem revelar o paradeiro do religioso. Costa afirma que acredita na inocência do padre, que negou as acusações.

Segundo um dos promotores do caso, Joaquim Rodrigues de Rezende Neto, Oliveira foi condenado por estupro e atentado violento ao pudor, com pena de 6 anos cada crime. O promotor informou que não entrará com recurso pedindo pena maior. "Essa decisão tem peso, pois foi do juiz que acompanhou todo o caso, que ouviu as pessoas, observou o comportamento e os olhos da vítima, que ela não caiu em contradições", comentou Rezende Neto.

A menina tinha 10 anos, em janeiro de 2006, e foi estuprada e abusada pelo padre em sua própria casa, onde às vezes ficava para visitar a mãe. Oliveira morou na mesma casa que a menina durante 11 meses, quando era seminarista. Com a desculpa de que precisava fazer um telefonema, pediu a chave da casa e foi acompanhado pela criança, que abriria a porta. Mas a menina foi violentada e ameaçada.

O caso foi descoberto em outubro daquele ano, numa conversa da menina com uma prima durante brincadeira sobre confidências pessoais. Os pais encaminharam o caso à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e um laudo médico confirmou que ela teve relação sexual. O inquérito policial foi encerrado meses depois e o juiz Jorge Filho decretou a prisão preventiva do padre, que ficou detido no 13º DP de São Paulo entre 26 de junho e 7 de dezembro de 2007, quando saiu a decisão do STJ.

O padre Oliveira atuava na Paróquia Santa Edwiges, em Santo Amaro, em São Paulo. Ordenado sacerdote no final de 2004, Oliveira foi afastado de suas funções religiosas após a denúncia. Além do inquérito criminal, ele responde processo canônico e poderá ser expulso da igreja católica. O monsenhor Joaquim Henrique Camargo, da Diocese de Santo Amaro, autorizado a falar sobre o caso, não foi localizado pela reportagem do Estado.

Baixe o Adobe Flash Player

sexta-feira, 1 de maio de 2009

Dor na primeira relação sexual: o que fazer para evitar?

Existe algum tipo de anestésico íntimo para ser usado na primeira vez?A vagina é um músculo. E como todo músculo, ela se contrai e fica tensionada quando a pessoa está nervosa. Sabe quando vocês estão estressados e precisam de uma massagem por que os músculos das costas ficaram todos apertados? É a mesma coisa lá em baixo.

Agora, tem coisa para deixar a pessoa mais nervosa que a primeira relação sexual? É um motivo de grande ansiedade mesmo. Além disso, na maioria das vezes há o rompimento do hímen e é normal que doa um pouquinho. Mas ó, bem pouquinho. Se a dor for maior é para fazer igualzinho a Mariana e a namorada do Jeremias fizeram: pedir para parar.

Se está doendo é por que a menina está pouco relaxada e lubrificada. Ela só vai ficar bem quando ficar a vontade. Em resumo: quando estiver “a fim”. E uma dica para os meninos: não adianta ficar pressionando. Quando mais vocês pressionam, mais ansiosas elas ficam e mais vai doer. Um namorado bacana e que se preocupa com a namorada é compreensivo e segue o ritmo dela. Com calma, diálogo, respeito e vontade, a dor da primeira relação sexual com certeza absoluta não é nada que vá precisar de um anestésico. “Não é uma dor tão forte assim”, explica o ginecologista Laudelino de Oliveira Ramos.


E outra coisa muito importante: “Sexo dá uma sensação de prazer. Se passar um anestésico, não vai sentir nada”. E que graça tem isso, não é?

O médico dá ainda uma dica para facilitar a primeira relação sexual: a posição mais confortável. Apesar de muita gente preferir o tradicional “papai-mamãe” na primeira vez, a posição mais fácil é um pouco diferente. “A melhor posição para a abertura da vagina ocorrer mais anatomicamente é de costas, com as pernas flexionadas e o pé para cima”, recomenda o doutor Ramos.

Agora, independente da posição, como a gente disse lá em cima, o essencial é a tranquilidade do casal. Sexo não é obrigação de ninguém: você só faz se e quando quiser. E, sempre, é claro, com camisinha.




Do G1, 

sábado, 24 de janeiro de 2009

Broken penis: é possível fraturar o pênis numa relação sexual?


Seriado americano aumenta buscas por 'fratura de pênis' no Google

foto: Divulgação

Seriado provoca aumento nas buscas por 'fratura de pênis' 
Duas das três expressões em inglês mais buscadas no Google desde a noite de quinta-feira (22) são "fratura peniana" (penile fracture) e "pênis quebrado" (broken penis). O motivo do aumento repentino no interesse no assunto é a exibição de um episódio do seriado de sucesso Grey's Anatomy, no qual um dos personagens sofre o dolorido trauma durante uma sessão de sexo.

O fenômeno da fratura peniana, apesar de raro, é possível. Não há ossos no pênis: trata-se, na verdade, do rompimento do tecido chamado "corpo cavernoso" durante a ereção. Quando o pênis ereto é "dobrado" com muita força, pode ocorrer o trauma, mais comum em homens jovens.

O tratamento é feito com anti-inflamatórios, analgésicos e aplicação de bolsa de gelo.

De acordo com o Google Trends, sistema de medição de buscas do Google, as expressões "fratura peniana" e "pênis quebrado" estiveram durante 8h entre as mais procuradas do site. Em relação à véspera da exibição do seriado, as incidências dessas buscas cresceram mais de 300%.

23/01/2009 - Fonte: G1